Zé Cicero fecha acordo de reajuste salarial com Servidores Municipais, mas vereadores não comparecem a sessão para aprovação do projeto.

0
170

20150630_104307Uma vergonha! Assim foi definida a ausência dos vereadores do município de Inhapi a sessão que aprovaria a concessão de reajuste salarial de 5% para o pessoal do setor administrativo e 10% para os professores, conforme acordo firmado entre a Prefeitura Municipal e o Sindicato da categoria.

De acordo com a presidente do SISPI – Sindicatos dos Servidores Públicos de Inhapi, Lídia Vitor a sessão foi amplamente divulgada entre os servidores em carro de som, mídias sociais e todos os meios de comunicação possíveis, objetivando assim, o comparecimento em massa dos servidores com o intuito de pressionar os edis pela aprovação do projeto de lei de autoria do Poder Executivo Municipal.

Mas ao chegar a Câmara, à surpresa! apenas dois dos 11 vereadores do município compareceram a sessão, e o mais curioso que foram justamente dois dos maiores opositores do governo do prefeito Zé Cícero, autor do projeto, foram eles; Marcio de Adelmo e Alex Lima.

Ainda de acordo com a presidente do SISPI alguns vereadores chegaram a dizer que não sabiam que haveria sessão, mas vejam só que interessante! Exatamente hoje, terça-feira 30/06 é dia de sessão ordinária da Câmara, ou seja, independente da apreciação do projeto em questão todos os vereadores deveriam está no plenário para o cumprimento de suas obrigações para qual foram eleitos. Teve ainda vereador(a) que teve a desfaçatez de dizer que a sessão não foi realizada porque teria custos, uma vez que se tratava de uma reunião extraordinária, pois segundo alguns de seus colegas de parlamento a Câmara já estaria de recesso, com retorno previsto para Agosto.

Após a polêmica que se gerou em torno da “covardia” dos vereadores, a redação do blog Central do Sertão entrou em contato com o presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Vaninho e o mesmo prometeu que a sessão deve ocorrer em caráter de urgência amanhã quarta-feira 01/07 as 9hs da manhã.

Agora resta aos servidores aguardar a “boa vontade” dos “nobres” vereadores que devido ao “compreensível esforço diante da enorme carga de trabalhos legislativos não tiveram tempo de apreciar o projeto”.

POR CENTRAL DO SERTAO

20150630_104441

20150630_105040

LEAVE A REPLY