Idoso é preso suspeito de tentar estuprar criança de 11 anos de idade em Delmiro Gouveia

0
1337

Um idoso identificado como Antônio Cordeiro de Araújo, 62, foi preso na noite deste sábado (2), suspeito de tentar estuprar um menino de 11 anos de idade, na Rua Tiradentes, centro da cidade de Delmiro Gouveia.

A prisão foi efetuada por uma guarnição da Guarda Municipal, que estava realizando rondas e foi informada que populares estavam tentando linchar um homem, que teria tentado estuprar um menor de idade, por volta das 18h30.

De posse das informações, a equipe da Guarda foi até a residência do suspeito, onde interviram na tentativa de linchamento, porém, ele ainda chegou a ser agredido. Em seguida, os guardas municipais o levaram para a Unidade Mista e Emergência Dr. Antenor Serpa (Umeas) e depois para Delegacia Regional de Polícia (1ª-DRP), sediada na cidade.

O caso

De acordo com o Boletim de Ocorrência, Antônio Cordeiro chamou a criança para ir até a residência dele para o auxiliar na preparação de churrasquinhos, mas, ao chegar no local, o idoso trancou a porta de acesso com uma barra de ferro.

Ainda segundo o registro policial, a criança foi levada para um quarto, onde foi deitada em uma cama e começou a ser acariciada pelo homem, porém, o menino conseguiu fugir.

Mãe da criança toma conhecimento do caso

Apesar de ter conseguido escapar, o menino não teria relatado o ocorrido para a mãe dele, mas ela foi alertada sobre o caso por outras crianças, segundo consta no boletim de ocorrência, registrado às 19h19.

Após tomar conhecimento, a mãe da criança, que teve o nome preservado, procurou Antônio Cordeiro, porém, ele teria a ameaçado com uma faca peixeira e dito palavras de baixo calão para ela.

Procedimento realizado na delegacia

Depois de ter sido agredido e levado para a Umeas, Antônio Carlos foi conduzido para a delegacia regional, onde foi autuado em flagrante delito pelo crime de estupro de vulnerável e ficou recluso à disposição da Justiça.

O idoso, que é natural do município de Itaíba (PE), já teria, segundo informações, atentando contra a integridade sexual de outra criança, porém o caso não foi denunciado para os órgãos competentes.

Por Correio Notícia

LEAVE A REPLY