Homem é assassinado com tiro de 12 na cabeça enquanto guardava carro na garagem em Inhapi

0
2107

“Cabeça”, como era mais conhecido, era cantor e proprietário de bar; caso será investigado pela Delegacia Distrital de Polícia (29ª-DP)

Um homem identificado como Carlos Alberto Silva, mais conhecido como “Cabeça”, 46, foi assassinado com vários disparos de arma de fogo, na noite deste domingo (19), por volta das 23h35, na Avenida Pompílio Brandão de Alcântara, na entrada da cidade de Inhapi.

Segundo testemunhas, “Cabeça” guardava o carro na garagem de casa, quando foi surpreendido com os tiros. Ele foi atingido com pelo menos um disparo de espingarda calibre 12 na cabeça. Não há informações sobre quem praticou o crime.

Ainda de acordo com testemunhas, no momento em que foi morto, “Cabeça”, que era cantor e dono de um bar na cidade, estava chegando em casa depois de participar de um churrasco com amigos. Ele era deficiente físico, não tinha uma das pernas.

Equipes das polícias Civil e Militar estiveram na localidade para os primeiros levantamentos e acionaram o Instituto Médico Legal (IML) de Arapiraca para reconher o corpo. A autoria e o motivo do assassinato serão investigados pelo delegado José Walter Fontes Cunha, titular da Delegacia Distrital de Polícia (29ª-DP).

A reportagem apurou que “Cabeça” já tinha sofrido outro atentado à bala ocorrido há alguns anos dentro do estabelecimento dele.

Por Correio Noticia



LEAVE A REPLY